sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Proteínas e Baixo Índice Glicêmico Ajudam Manutenção do Peso


Estudo publicado ontem no NEJM (New England Journal of Medicine), uma das mais prestigiadas revistas médicas, sugere que a proporção de macronutrientes pode interferir na manutenção do peso após o emagrecimento inicial.

Foram acompanhados mais de 500 pacientes em oito diferentes países da Europa. Após perda inicial de pelo menos 8% do peso corporal, foram alocados aleatoriamente para dietas com maior ou menor proporção de proteínas e maior ou menor índice glicêmico. Ao fim de 6 meses de seguimento, aqueles que seguiam dieta com maior teor protéico pesavam cerca de 1kg a menos do que os que tinham alimentação com menor quantidade de proteínas.

Resultado semelhante foi encontrado para aqueles que seguiam dieta com baixo índice glicêmico, que também colaborou para a manutenção da perda de peso. O índice glicêmico mede a velocidade com que os carboidratos dos alimentos são absorvidos e passam para a corrente sanguínea.

Opções de baixo índice glicêmico: lentilhas, leite desnatado, maçã, iogurte sem adição de açúcar.

Alimentos com elevado índice glicêmico: batata cozida ou frita, corn flakes, tapioca.

Nenhum comentário:

Postar um comentário