quarta-feira, 14 de julho de 2010

Nova Medicação para Obesidade

Saiu hoje no New England Journal of Medicine um estudo com resultados positivos para uma nova droga contra a obesidade, a lorcaserina. Após um ano de tratamento, a droga promoveu uma perda média de 5,8kg. O grupo que recebeu placebo (pílulas sem princípio ativo) perdeu em média 2,2kg.

A droga age sobre o receptor 2C da serotonina, ativando neurônios responsáveis pela saciedade. Os efeitos colaterais incluem tonturas, náuseas e dor de cabeça, sem relato de efeitos colaterais graves nos mais de 800 pacientes que usaram o medicamento por mais de um ano.

Trata-se de um importante passo no limitado tratamento farmacológico da obesidade. Que venha o quanto antes para o mercado de modo a confirmar segurança e eficácia na prática.

4 comentários:

  1. Bom saber que o meu mal tem cura. Hahaha

    ResponderExcluir
  2. Eduardo, parabens pelo blog, consegue ser mais atualizado que o da própria SBEM! Olha, sem dúvida estão surgindo novidades neste campo ainda muito pouco resolutivo da terapia farmacologica para a obesidade, em 2008 foi publicado no Lancet (The Lancet, 372; 1906-1913) um estudo com a tesofensina, um inibidor da recaptação da noradrenalina, serotonina e dopamina que teria o beneficio da perda de peso sem efeitos sobre pressão e frequencia cardiaca (como a sibutramina) ou sobre o humor (como o finado rimonabanto). É aguardar para ver - abraço, Joaquim Custódio Jr.

    ResponderExcluir
  3. Fala, meu velho! A tesofensina deve chegar ainda antes da lorcaserina, segundo opinião de alguns.
    Tomara que sim, mesmo, e o quanto antes!!
    Sua visita ao blog é uma honra e uma tremenda responsabilidade!!
    Abraço!!

    ResponderExcluir
  4. Excelente post.
    É óptimo estarem a surgir alternativas aos procedimentos cirúrgicos para os casos de obesidade.
    É muito importante batalhar na cura mas temos também de batalhar na prevenção (nos casos em que é possível).
    Obrigada!

    www.sosnutricao.blogspot.com

    ResponderExcluir